Mais de 50% do público-alvo ainda deve ser vacinado contra polio e sarampo em MT

Mais da metade do público-alvo da campanha de vacinação contra poliomielite e sarampo ainda deve se vacinar contra as doenças. Segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde, até esta segunda-feira (20), 45,65% do público-alvo foi vacinado contra poliomielite. Já a vacinação contra sarampo, alcançou 45,07% da meta estabelecida para o estado.

A campanha segue até o dia 31 de agosto, com o objetivo de imunizar 202.216 crianças de 1 ano a 4 anos e 11 meses. No último sábado (18), foi realizado o Dia D da campanha.

Segundo o governo federal, embora os índices ainda não estejam próximo da meta, com a mobilização do último sábado, a expectativa é de que o país tenha avançado e que consiga atingir 95% do público-alvo imunizado até o final deste mês.

Mais de 180 mil doses contra sarampo e poliomielite foram aplicadas em MT
(Foto: Prefeitura de Ipatinga/Divulgação)
Quem deve ser vacinado?

  • Contra a poliomelite: crianças de 1 até 5 anos independentemente de quantas doses já tomou. Em casos de nenhuma dose, será aplicada a Vacina Inativada Poliomielite. Em caso de uma ou mais doses, será aplicada a Vacina Oral Poliomielite, a famosa "gotinha".
  • Contra o sarampo: crianças de 1 até 5 anos independentemente de quantas doses já tomou.
  • Não devem ser vacinadas: crianças de 1 até 5 anos que tenham sido vacinadas nos últimos 30 dias.


O Ministério da Saúde informou ainda que os números estão sendo contabilizados pelos estados e municípios. Mas, o esforço do país é impedir que doenças já eliminadas e erradicadas não retornem ao Brasil.

Em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, 10 mil crianças foram vacinadas desde o início da campanha, no dia 6 de agosto.

Somente no sábado, quatro mil foram imunizadas contra sarampo e poliomielite, no município. A meta do município é vacinar 16 mil crianças.

Casos de sarampo

A Secretaria Estadual de Saúde (SES), faz um alerta para os casos de sarampo. Somente este ano, foram 16 casos notificados. Destes, 11 foram descartados, mas cinco continuam sob investigação.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.