GCCO faz nova operação contra membros de facções em MT

Onze mandados de busca e apreensão são cumpridos na Região Metropolitana na manhã desta sexta-feira (11) na terceira fase da operação Panóptico Integrada, deflagrada pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar.

O objetivo é coletar informações referentes a organizações criminosas que atuam em Mato Grosso.

Os mandados são cumpridos em endereços dos bairros Doutor Fabio, Jardim Imperatriz, Paraíso e Jardim Vitória.

Mais informações serão repassadas após a efetivação do cumprimento dos mandados de busca e apreensão domiciliares e da confirmação de eventuais flagrantes.

O nome Panóptico significa construção, cuja estrutura faz com que se consiga observar a totalidade da sua superfície interior a partir de um único ponto. O termo foi utilizado pelo filósofo e jurista inglês Jeremy Benthan em 1785, para designar um modelo de penitenciária ideal.

Mandados são cumpridos pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO)
1ª Fase

A primeira fase foi deflagrada no mês de março e prendeu quatro pessoas e deu cumprimento a 10 mandados de busca e apreensões em endereços nos Jardim Vitória, Florianópolis, Doutor Fábio, Jardim Brasil, Novo Paraiso, em Cuiabá.

Na ação integrada da Polícia Civil e Polícia Militar foram presos: E.M.B.M., 25 anos,  L.B.L., 31, M.A.S., 45, M.S. S., 26.

Com os presos foram apreendidos R$ 3.650 em espécie, possivelmente proveniente do tráfico de drogas, porções de drogas, balança de precisão, celulares e uma motocicleta. Na operação, com uma mulher de 25 anos, foi apreendido um celular com conteúdo ligado a facção criminosa

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.