Polícia Civil prende estuprador de menores em Colniza


Um homem acusado de estupro de vulnerável foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na terça-feira (31), em Colniza (1.065 km a Noroeste). C.M.V., 41, conhecido como “Cabelo” era investigado pelo estupro de duas menores de idade e tinha dois mandados de prisão em aberto pelas Comarcas de Aripuanã e do Distrito Federal.

As investigações contra o suspeito iniciaram após a equipe de policiais da Delegacia de Colniza receber uma denúncia de que ele estaria abusando sexualmente de duas irmãs, menores de idade.

Durante o levantamento de informações, os investigadores constataram que C. possuía dois mandados de prisão por estupro de vulnerável, um pela comarca de Aripuanã e o pelo Distrito Federal. Neste último, o suspeito foi condenado a 18 anos de reclusão pelos crimes de estupro e roubo.

Na primeira abordagem realizada pelos policiais, na BR-174, próximo ao antigo posto fiscal, C. conseguiu escapar entrando para mata. Na ocasião, o delegado Vinícius de Assis Nazário representou pela prisão de C. e de um segundo suspeito.

Com a informação de que o suspeito estava em uma casa no bairro Cidade Alta, policiais foram até local, onde realizaram a abordagem do suspeito. No momento da chegada dos policias, C. tentou fugir por uma janela lateral, mas a residência estava cercada.

Em buscas no interior da casa, policiais apreenderam aparelhos eletrônicos, como caixa amplificada com microfone, uma televisão 32 polegada, um rádio e um aparelho de dvd, que posteriormente foram constatados serem de furtos ocorridos na cidade.

No dia 23 de dezembro, C. foi detido por lesão corporal, ocasião em que apresentou identidade falsa em nome de “José Leandro Ventura”. Ele também usava outro documento falso em nome de “Marcio Leandro Rodrigues”.

O acusado teve as ordens de prisão cumpridas e responderá pelo estupro de vulnerável das irmãs, uso de documento falso e receptação.

Fonte: http://www.midianews.com.br/policia/policia-civil-prende-estuprador-de-menores-em-colniza/287519
Tecnologia do Blogger.